11 comentários sobre “Cap 50: Nos braços de um anjo (Tamires)

  1. O amor mais forte começa assim, sorrateiro, passando pela porta do coração pé ante pé, de mansinho.Acho que esses dois não conseguirão mais fechar essa porta.Agora como será o resgate desses dois computadores?Gostando, meninas?

  2. In The Arms Of The Angel (tradução)Sarah MclachlanComposição: IndisponívelNos braços do anjoGaste todo seu tempo esperando pela segunda chancePara o intervalo que eu fareiLá há sempre uma razãoPara não se sentir bom o suficienteE isto é duro no fim do diaEu preciso de alguma distração ou de um bom lançamentoMemórias vazam de meus nervosDeixam-me vazia e sem peso, talvezEu encontrarei algum lugar específico essa noiteNos braços do anjo bem longe daquiDesta escuridão, quarto gelado de hotel e a infinidadeque você senteVocê está retirando do restode sua imaginação silenciosaVocê está nos braços do anjo, você deveencontraralgum conforto aquiEntão cansado da linha reta,E todo lugar que você giraHá predadores e ladrões nas suas costasA tempestade continua destruindoVocê continua construindo mentirasQue faz para todos que sente faltaNão faz diferença, escape uma última vezÉ fácil acreditarNesta doce loucura, esta tristeza gloriosaQue me trazem aos meus joelhosNos braços do anjo para longe daquiDesta escuridão, quarto gelado de hotel, e ainfinidadeque você senteVocê está retirando do restoDe sua imaginação silenciosaVocê está nos braços do anjo, você deveEncontrarAlgum conforto aquiVocê está nos braços do anjo, você deveEncontrarAlgum conforto aqui

  3. In The Amrs of an AngelSarah MclachlanComposição: IndisponívelSpend all your time waiting for that second chanceFor the break that will make it okThere's always some reason to feel not good enoughAnd it's hard at the end of the dayI need some distraction oh beautiful releaseMemories seep from my veinsThey may be empty and weightless and maybeI'll find some peace tonightIn the arms of an Angel fly away from hereFrom this dark, cold hotel room, and the endlessness that you fearYou are pulled from the wreckage of your silent reverieYou're in the arms of an Angel; may you find some comfort hereSo tired of the straight line, and everywhere you turnThere's vultures and thieves at your backThe storm keeps on twisting, you keep on building the liesThat you make up for all that you lackIt don't make no difference, escaping one last timeIt's easier to believeIn this sweet madness, oh this glorious sadnessThat brings me to my kneesIn the arms of an Angel far away from hereFrom this dark, cold hotel room, and the endlessness that you fearYou are pulled from the wreckage of your silent reverieIn the arms of an Angel; may you find some comfort hereYou're in the arms of an Angel; may you find some comfort here

  4. Sem palavras para essa canção belíssima. É exatamente com ela que penso na cena deles abraçados.

  5. Linda!Hum ta quase eim!Anciosa para o próximo capítulo!Ahh! Que coisa, só agora percebi que não coloco meu nome no fim dos meus comentários!rrsJuliana S.

  6. uia, finalmente vai sair o tão esperado beijo??continuam ótimas as histórias e eu entrando cada vez mais nelas…e o q aconteceu com o cara do acidente e a fisioterapeuta dele??bjossLê

  7. Li!!!!!! quer me matar do coração ?????? eu sonhando com o beijo deles e vc corta no final ???? areeeeee!!!!!! rsrrs!!!!!!

  8. Oi, Ju, era vc rs??? Ta quase, bem perto. prometo. bjs.

  9. Oi, Le. O cara do acidente é o irmão da Tamires. A história deles está interrompida e… (eu já podia estar contando isso?)… será o final do livro. O livro consiste em várias estórias partidas que se cruzam. São como temporadas em seriados.Eles já voltam. Prometo. Tá perto. Beijos.

  10. Aninha, é igual novela, rs, ai que está o frio na barriga. BEIJOSSS

  11. oi dona aranhavc me pegou em sua teiaqro logo esse bjo…como cheguei atrasada vou ver o cap novo…muito serviço=/bjaoamo mto tudo issohehehehe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *